UAB/UECE Polo de Limoeiro realizou colação de grau na última sexta-feira

Compartilhe:

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) realizou nesta sexta-feira (23), no Auditório da Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos (Fafidam/Uece), em Limoeiro do Norte, Colação de Grau da primeira turma do Curso de Licenciatura em Informática – Modalidade à Distância, da Universidade Aberta do Brasil (UAB/Uece) - Polo Limoeiro do Norte. Na cerimônia foram diplomados (as) 13 professores (as).

A solenidade de Outorga de Grau foi presidida pelo vice-reitor em exercício da Reitoria da Uece, professor Hidelbrando dos Santos Soares. O professor Francisco Ranulfo Freitas Martins Júnior foi o orador docente da cerimônia. Os discentes foram representados pela formanda, Francisca Lindvânia da Silva Vieira.

Participaram da Cerimônia o pró-reitor de Extensão, Professor Fernando Roberto Ferreira Silva; a vice-diretora da Fafidam, Andrea Almeida Cavalcante; a coordenadora de Tutoria, Maria Wilda Fernandes, representando o coordenador da Secretaria de Apoio às Tecnologias Educacionais – SATE, responsável pela UAB na UECE, professor Francisco Fábio Castelo Branco; a coordenadora do Polo de Limoeiro, senhora Juranete Silva Duarte; e Nágyla Maria Galdino Drumond, Secretária Executiva da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior - SECITECE. O concludente Carlos Renan Moreira realizou a leitura do Juramento Oficial.
Para assistir aos vídeos da Cerimônia de Colação de Grau acesse o Canal da FAFIDAM no Youtube ou a página no facebook.

Reações: 

Uece abre vagas para 10 cursos à distância

Compartilhe:



A Universidade Estadual do Ceará abriu edital que regulamenta o Vestibular Especial para a seleção de candidatos aos cursos de Bacharelado em Administração Pública, Licenciatura Plena em Artes Visuais, Ciências Biológicas, Computação, Educação Física, Geografia, História, Matemática, Pedagogia e Química, na modalidade a distância, promovidos pela Universidade Estadual do Ceará em convênio com a Universidade Aberta do Brasil (UAB).
Participarão deste processo, vinculados à Universidade Estadual do Ceará (UECE), os municípios-polo seguintes: Aracoiaba, Beberibe, Brejo Santo, Camocim, Campos Sales, Caucaia-Itambé, Caucaia-Araturi, Caucaia-Novo Pabússu, Crateús, Iguatu, Itapipoca, Itarema, Limoeiro do Norte, Maracanaú, Maranguape, Mauriti, Orós, Pedra Branca, Piquet Carneiro, Quixeramobim e Tauá.
As vagas oferecidas, no total de 2450 (duas mil e quatrocentos e cinquenta), constam no quadro a seguir:
As inscrições poderão ser realizadas no período de 29 de setembro a 23 de outubro de 2016, somente pela internet.
O Curso de Licenciatura em História - Modalidade à Distância é o único curso da FAFIDAM nessa modalidade de ensino e terá vagas para os municípios-polo de Camocim, Campos Sales, Iguatu, Pedra Branca e Tauá.
Para maiores informações consultar o site da CEV no endereço: http://www.uece.br/cev/index.php/2016-09-21-20-01-15.

Reações: 

Prorrogados períodos de inscrição e envio de propostas de minicursos para SU

Compartilhe:

A comissão organizadora da XXI Semana Universitária (SU) prorrogou o prazo de inscrição de resumos para apresentação durante o evento. Os estudantes terão até o dia 30 de setembro para submeter seus trabalhos pelosite da SU.
As propostas de minicursos e oficinas deverão ser enviadas por email, pelos professores responsáveis, até a próxima segunda-feira, dia 26.
Fonte: Assessoria de comunicação / UECE

Reações: 

Vestibular 2017.1 recebe inscrições até domingo, dia 25

Compartilhe:

A Comissão Executiva do Vestibular (CEV) da Universidade Estadual do Ceará (Uece) recebe inscrições para o Vestibular 2017.1 até o próximo domingo, dia 25 de setembro, exclusivamente pela internet.
Estão sendo oferecidas 1.583 vagas, das quais 711 são para os cursos de Fortaleza e 872 vagas para as Unidades da Uece no Interior do Estado, localizadas nos municípios de Quixadá, Limoeiro do Norte, Itapipoca, Iguatu, Crateús e Tauá.
O boleto bancário, que poderá ser gerado até as 23h59 do dia 25, terá vencimento no dia 26 de setembro, último dia em que o candidato poderá pagá-lo. A taxa de inscrição no valor de R$ 130,00 poderá ser paga na rede bancária ou nos estabelecimentos por ela credenciados.
As provas da 1ª Fase serão aplicadas no dia 13 de novembro (domingo), das 9h às 13h, com uma Prova de Conhecimentos Gerais de múltipla escolha: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira, Geografia, História, Matemática, Física, Química e Biologia.  A 2ª Fase acontecerá nos dias 04 e 05 de dezembro, respectivamente (domingo e segunda-feira), com a realização de quatro Provas: uma de Redação e três Específicas, de acordo com o curso de opção do candidato.
Mais informações podem ser obtidas na sede da CEV, no Campus Itaperi, situada na Av. Dr. Silas Munguba, 1700, no endereço eletrônico www.uece.br/cev ou pelos telefones 3101.9710 ou 3101.9711.
Fonte: Assessoria de comunicação / UECE

Reações: 

FAFIDAM disponibilizará transporte para viagem de bolsistas IC/UECE

Compartilhe:

O Diretor da FAFIDAM, Prof. Dr. João Rameres Regis, comunica que disponibilizará transporte para os bolsistas do Programa de Iniciação Científica da UECE participarem de reunião convocada pela Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa da UECE, Profa. Nukácia Meyre Silva Araújo, que se realizará no dia 20/09/2016 às 15h no Auditório Central da UECE, no Campus do Itaperi.
O transporte sairá da FAFIDAM às 11h.

Reações: 

[SBF] Um método geral para a função de gráficos aleatórios

Compartilhe:

Tão importante quanto a compreensão de fenômenos físicos é a existência de ferramentas matemáticas que permitam descrevê-los de forma adequada e precisa. E uma das ferramentas que tem ganho muito destaque na última década é a dos gráficos aleatórios (random graphs).
Trata-se de um termo genérico que designa a distribuição de probabilidades em gráficos e que tem encontrado uso em diversos ramos da ciência, como em redes complexas e teoria da informação, além do estudo de propriedades de transporte em sistemas eletrônicos desordenados.
Agora, uma dupla de físicos no Brasil e no México apresentam um método geral para obter a função que controla o grande desvio de probabilidades que uma matriz aleatória esparsa apresenta dentro de um dado intervalo.
Os pesquisadores Fernando L. Metz, do Departamento de Física da Universidade Federal de Santa Maria (RS), e Isaac Pérez Castillo, do Departamento de Sistemas Complexos do Instituto de Física da UNAM, na Cidade do México, apresentaram seus resultados no "Physical Review Letters" em 1o de setembro.
No trabalho, eles aplicam seu método para estudar dois exemplos distintos, um envolvendo os chamados gráficos de Erdös-Rényi, e outro referente ao modelo de Anderson para gráficos aleatórios regulares. "Nossos achados teóricos são minuciosamente comparados às diagonalizações numéricas em ambos os casos, mostrando um acordo razoavelmente bom", descrevem os cientistas.
Para ler o artigo completo, clique aqui (só para assinantes) ou aqui (acesso livre).
Fonte: Assessoria de comunicação da SBF

Reações: 

Missão espacial começa a divulgar maior mapa da Via Láctea de todos os tempos

Compartilhe:

A Agência Espacial Europeia divulgou hoje os primeiros resultados da missão do telescópio espacial Gaia, lançado no final de 2013. Nesses quase três anos de aventura extraterrestre, Gaia identificou mais de 1 bilhão de objetos e produziu dados que podem revolucionar tudo o que sabemos sobre astronomia.
Só para começar, ela encontrou muito mais estrelas que o previsto - o que, para muitos cientistas, já é um sinal preliminar de que a Via Láctea é maior do imaginávamos.
As revelações de Gaia publicadas hoje vão ser transformadas no maior mapa da Via Láctea da história. Ele vai ser 1.000 vezes mais extenso e 10 vezes mais preciso do que qualquer coisa que a astronomia humana já produziu, com cerca 1 bilhão de objetos espaciais exibidos em 3D. É o equivalente a desvendar 1% de toda a nossa galáxia.
Por enquanto, esse atlas está no formato de tabelas que revelam informações específicas sobre mais de 2 milhões de estrelas. Até o final da missão, esse catálogo vai contar com dados de 250 mil objetos de Sistema Solar, 7 mil planetas em outros sistemas, 1 milhão de galáxias vizinhas e 20 mil supernovas.
Mas, para já dar uma palhinha do mapa 3D que vai ser montado a partir das fotos e dados, a Agência divulgou o primeiro mapa de visão celeste, com base nas informações que a missão coletou de julho de 2014 a setembro de 2015.


Clique para ampliar

O mapa ajuda a identificar as áreas do cosmo com maior número de estrelas observadas por Gaia. As regiões mais claras indicam uma densidade maior do sóis. Onde a imagem é mais escura, a concentração de estrelas era menor.
Na Via Láctea, que tem formato de espiral, a área mais clara da imagem é conhecida como Plano Galáctico, onde fica a maioria das estrelas da galáxia. No mapa, essa porção é a linha horizontal no centro. As áreas escuras no Plano Galáctico, segundo a Agência Europeia, representam nuvens de gás e poeira que absorvem a luz nessas regiões.
Os pontos brilhantes do lado direito inferior representar duas galáxias-anãs que orbitam a Via Láctea, as Nuvens de Magalhães (pontos LMC e SMC). Do lado oposto, mais uma vizinha, bem maior, Andrômeda e seu satélite, a galáxia Triangulum (ponto M33).
Além dessas três, todas as outras galáxias próximas são designadas por pontos azuis, enquanto as anotações amarelas são aglomerados abertos, ou grupos relativamente pequenos de estrelas próximas devido à gravidade. Em branco, os clusters globulares, com estrelas velhas e bem mais numerosas que se mantém pertinho umas das outras.
Em uma nave com só 10 metros de diâmetro, Gaia conta com uma câmera de milhões de pixels, dois astrotelescópios, fotêmetros e espectrômetros de velocidade radial. Tudo isso não só para fotografar a posição de 1 bilhão de estrelas (70 vezes cada uma), como medir sua trajetória no espaço, seu comportamento gravitacional e as distâncias entre elas. Fazendo tudo isso em 5 anos de observação, são mais de 40 milhões de objetos espaciais registrados por dia.
O telescópio é capaz de produzir tanta informação que ninguém sabe os mistérios e as surpresas escondidos no catálogo divulgado hoje. É o chamado data dump, quando um monte de dados brutos é divulgado publicamente para ser analisado e estudado por uma multidão de cientistas.
Só os astrônomos que tiveram direito a uma olhadinha na base de dados de Gaia antes do lançamento já publicaram 15 artigos acadêmicos. A expectativa é que ele gere mais de 100 publicações - só nas próximas semanas. Até 2022, quando a missão acaba, vão ser mais 3 data dumps e centenas de papers científicos.
Fonte: Superinteressante

Reações: 

Missão espacial começa a divulgar maior mapa da Via Láctea de todos os tempos

Compartilhe:

A Agência Espacial Europeia divulgou hoje os primeiros resultados da missão do telescópio espacial Gaia, lançado no final de 2013. Nesses quase três anos de aventura extraterrestre, Gaia identificou mais de 1 bilhão de objetos e produziu dados que podem revolucionar tudo o que sabemos sobre astronomia.
Só para começar, ela encontrou muito mais estrelas que o previsto - o que, para muitos cientistas, já é um sinal preliminar de que a Via Láctea é maior do imaginávamos.
As revelações de Gaia publicadas hoje vão ser transformadas no maior mapa da Via Láctea da história. Ele vai ser 1.000 vezes mais extenso e 10 vezes mais preciso do que qualquer coisa que a astronomia humana já produziu, com cerca 1 bilhão de objetos espaciais exibidos em 3D. É o equivalente a desvendar 1% de toda a nossa galáxia.
Por enquanto, esse atlas está no formato de tabelas que revelam informações específicas sobre mais de 2 milhões de estrelas. Até o final da missão, esse catálogo vai contar com dados de 250 mil objetos de Sistema Solar, 7 mil planetas em outros sistemas, 1 milhão de galáxias vizinhas e 20 mil supernovas.
Mas, para já dar uma palhinha do mapa 3D que vai ser montado a partir das fotos e dados, a Agência divulgou o primeiro mapa de visão celeste, com base nas informações que a missão coletou de julho de 2014 a setembro de 2015.

Clique para ampliar

O mapa ajuda a identificar as áreas do cosmo com maior número de estrelas observadas por Gaia. As regiões mais claras indicam uma densidade maior do sóis. Onde a imagem é mais escura, a concentração de estrelas era menor.
Na Via Láctea, que tem formato de espiral, a área mais clara da imagem é conhecida como Plano Galáctico, onde fica a maioria das estrelas da galáxia. No mapa, essa porção é a linha horizontal no centro. As áreas escuras no Plano Galáctico, segundo a Agência Europeia, representam nuvens de gás e poeira que absorvem a luz nessas regiões.
Os pontos brilhantes do lado direito inferior representar duas galáxias-anãs que orbitam a Via Láctea, as Nuvens de Magalhães (pontos LMC e SMC). Do lado oposto, mais uma vizinha, bem maior, Andrômeda e seu satélite, a galáxia Triangulum (ponto M33).
Além dessas três, todas as outras galáxias próximas são designadas por pontos azuis, enquanto as anotações amarelas são aglomerados abertos, ou grupos relativamente pequenos de estrelas próximas devido à gravidade. Em branco, os clusters globulares, com estrelas velhas e bem mais numerosas que se mantém pertinho umas das outras.
Em uma nave com só 10 metros de diâmetro, Gaia conta com uma câmera de milhões de pixels, dois astrotelescópios, fotêmetros e espectrômetros de velocidade radial. Tudo isso não só para fotografar a posição de 1 bilhão de estrelas (70 vezes cada uma), como medir sua trajetória no espaço, seu comportamento gravitacional e as distâncias entre elas. Fazendo tudo isso em 5 anos de observação, são mais de 40 milhões de objetos espaciais registrados por dia.
O telescópio é capaz de produzir tanta informação que ninguém sabe os mistérios e as surpresas escondidos no catálogo divulgado hoje. É o chamado data dump, quando um monte de dados brutos é divulgado publicamente para ser analisado e estudado por uma multidão de cientistas.
Só os astrônomos que tiveram direito a uma olhadinha na base de dados de Gaia antes do lançamento já publicaram 15 artigos acadêmicos. A expectativa é que ele gere mais de 100 publicações - só nas próximas semanas. Até 2022, quando a missão acaba, vão ser mais 3 data dumps e centenas de papers científicos.
Fonte: Superinteressante

Reações: 

XXI Semana Universitária terá V Encontro do PBEPU

Compartilhe:


A Universidade Estadual do Ceará (Uece), no período de 7 a 11 de novembro, estará promovendo a XXI Semana Universitária (SU), o maior evento científico e cultural da Instituição.
Como parte da programação deste evento, a Pró-Reitoria de Políticas Estudantis (Prae) promoverá o V Encontro do Programa de Bolsas de Estudos e Permanência Universitária (PBEPU) que tem por objetivo reunir todos os bolsistas do Programa, distribuídos nos campi da capital e do interior para realizar troca de experiências discentes na condição de bolsistas.
O Encontro será realizado no dia 10 de novembro, às 8h30 às 12h, no Auditório Central, no Campus do Itaperi.
Todos os bolsistas do PBEPU deverão submeter, até o dia 23 de setembro, um resumo de trabalho relacionado às atividades desenvolvidas na bolsa, de forma online, no site da Semana Universitária, conforme normas estabelecidas pelo encontro.
Site da Semana Universitária - Clique aqui
Normas do V Encontro do PBEPU - Clique aqui
Mais informações: sec.caes@uece.br
 Fonte: Assessoria de Comunicação / UECE

Reações: 

Uece convida escolas de Ensino Médio para Feira das Profissões

Compartilhe:



Estão abertas as inscrições para as escolas de Ensino Médio que desejam oferecer aos seus alunos uma experiência que os ajudará a decidir o futuro. Durante a realização da XXI Semana Universitária, a Universidade Estadual do Ceará (Uece) promoverá a quarta edição da Feira das Profissões. O evento acontecerá nos dias 9 e 10 de novembro, no Campus Itaperi, das 8h30 às 12h e das 14h às 17h.
Os principais objetivos da Feira é contribuir para que os alunos de escola de Ensino Médio, pública e particular, e de cursos pré-vestibular conheçam a instituição onde poderão estudar no ensino superior, decidir que profissão escolherá, esclarecendo dúvidas e fornecendo subsídios de como funcionam os cursos de graduação de uma universidade e sobre a diversidade profissional, estimulando o interesse pela continuidade dos estudos.
Os visitantes conhecerão detalhes de como funcionam os diversos cursos de graduação oferecidos pela Uece, tirando dúvidas sobre disciplinas, grade curricular de estudos, tempo de duração, estágios e mercado de trabalho, para, assim, refletirem a respeito de uma futura escolha profissional. Os professores e alunos da instituição estarão à disposição de todos, distribuindo material informativo, realizando experimentos científicos, apresentando ferramentas que retratam o cotidiano das diversas áreas de formação que a universidade oferece.
Para inscrição das escolas, os responsáveis deverão acessar o site da Semana Universitária e realizar cadastro. A participação da escola será confirmada pela comissão organizadora do evento através de email.
A Feira das Profissões é uma realização da Pró-Reitoria de Políticas Estudantis (Prae/Uece), com apoio da Secretaria Estadual de Educação (Seduc).
Fonte: Assessoria de Comunicação/UECE

Reações: 

Postagens mais lidas